Curso de Tomossíntese de Mama – SEFM

Nos próximos días 15, 16 e 17 de março, celebra-se em Madrid na Faculdade de Física da Universidade Complutense de Madrid, o curso de Tomossíntese de Mama: FUNDAMENTOS FISICOS, DOSIMETRIA E CARACTERIZAÇÃO, dirigido pelas Dras. Margarita Chevalier e Maria Luisa Chapel (ambas diretoras do Grupo de trabalho de Tomossíntese da Sociedade Espanhola de Física Médica-SEFM, sendo a Dra. Chapel a Presidente da Sociedade.

O curso tem como principal objetivo a familiarização com os fundamentos físicos em que se fundamenta na modalidade de Tomossíntese. O segundo objetivo do curso é o conhecimento do impacto sobre a deteção e diagnóstico de lesões mamárias da Tomossíntese. O terceiro objetivo do curso é apresentar os protocolos do controlo de qualidade até à data existente.

Com estes três objetivos pretende-se ter uma visão global da Tomossíntesis da Mama e aspetos que têm maior impacto sobre a qualidade do diagnostico do exame. Com a aprendizagem de conhecimentos suficientes sobre as vantagens e desvantagens da técnica e sobre os desafios que implica a utilização no âmbito clinico.

O curso organiza-se da seguinte forma:

  • Fundamentos físicos da Tomossíntese. Utilização em exames de mama.
  • Características dos sistemas de Tomossíntesis de mama: parâmetros relevantes.
  • Influência da radiação distribuída na qualidade da imagem. Algoritmos de correção.
  • Algoritmos de reconstrução. Comparação. Artefactos de reconstrução.
  • Métodos de dosimetria em exames Tomossíntese mamária. Imagem sintética.
  • Avaliação da qualidade técnica da imagem: Fantomas.
  • Revisão de protocolos de controlo de qualidade. Experiencias praticas.
  • Tomossíntese e rastreio mamário. Realidade clinica e desafios.

As sessões praticas serão desenvolvidas em três horas, utilizando portáteis, que incluem:

  • Avaliação das projeções de Tomossíntese.
  • Avaliação de planos reconstruídos – Imagem Sintetizada.